Movimentos Sociais

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Movimentos Sociais

Mensagem por Daniel Marques em Qua Nov 23, 2016 10:41 am

Escolha um movimento social contemporâneo, apresente suas características, sua pauta de luta e suas reivindicações. Escreva qual a importância desse movimento para a atual conjuntura de nosso país e sua relação com o direito à cidadania. Seu texto deve conter no mínimo 300 palavras.

Daniel Marques
Admin

Mensagens : 2
Data de inscrição : 19/11/2016
Idade : 34

Ver perfil do usuário http://humanizarcomprofdan.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos Sociais

Mensagem por mabarisao em Sab Nov 26, 2016 5:17 pm

Movimento LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Travestis, Transexuais, Transgêneros).

Este movimento social deu-se início a partir dos anos 1970, no Brasil, no começo eram compostos somente por homens homossexuais, e ao decorrer do tempo as mulheres também decidiram tomar frente, juntamente com os transexuais.
Pessoas inseridas neste grupo lutam e reivindicam seus direitos, já que o preconceito com esta parte da sociedade traz uma série de violências pelo preconceito, e intolerância sexual. Então, eles exigem o respeito que é deles por direito, como consta na Constituição Federal de 1988. Atualmente, é um movimento social que obtém muita força, sendo reconhecido em todos os estados do país e do mundo, principalmente por conta da sua bandeira, com as cores do arco-íris, que significa a diversidade. Muitos defendem também o fato de não ser algo opcional para eles, gostarem do sexo oposto, haja vista que nasceram com isto e carregam desde a infância, e não como boa parte da população retrata dizendo que isto foi algo que eles poderiam e podem optar a qualquer momento de sua vida.
O grupo é de suma importância para a atual conjuntura do país, para obter uma igualdade das pessoas e fixar o fato de que eles não deixam de ser seres humanos por não corresponder a um padrão imposto pela sociedade, e também obter aceitação, respeito e dignidade humana reconhecida por todos. Se um dia, isto for-lhes concebido, a taxa de agressão/número de mortes irá diminuir, já que cerca de 40% das cadeias recebem casos de homicídio causados pela homofobia. Um em cada dez homens são mortos de forma bruta pela sua opção sexual, no Brasil.
Logo, se todos temos direitos a cidadania porque somos seres humanos, não somente nosso país, mas sim no mundo todo, deve-se obter uma conscientização de que este movimento só quer poder exercer a sua identidade sem ser agredido nas ruas como se fosse uma aberração por não corresponder ao grupo heterossexual, que é o padrão imposto pela sociedade como o certo.

mabarisao

Mensagens : 2
Data de inscrição : 26/11/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Movimento Estudantil

Mensagem por Maria Eduarda Costa em Qui Dez 01, 2016 1:34 pm

É um movimento da área da educação, no qual os próprios estudantes o lidera. Estudante é diferente de aluno. Aluno é aquele que tem acesso ao ensino fundamental ou médio já o estudante é aquele que interage com a instituição educativa de forma mais intensa - Grupos de Estudo, grupos culturais, pesquisa, programas. Uma das causas do surgimento do movimento estudantil foi a consolidação das principais formas de mobilização social que reivindicava ao Poder Público a implementação de medidas às deficiências em setores como educação e a redemocratização durante Ditadura Militar. Mas a história da atuação dos estudantes mostra que a juventude já lutava pelas demandas do movimento desde o século 18. A primeira entidade estudantil brasileira, a Federação dos Estudantes, surgiu em 1901, mas o movimento já se fizera presente na história do país antes disso: em 1710 foram os jovens estudantes de conventos e colégios religiosos que enfrentaram a invasão francesa no Rio de Janeiro. Havia estudantes na inconfidência mineira, na campanha da abolição e na república. A morte do secundarista Edson Luiz, no Restaurante Calabouço, no Rio de Janeiro, dia 28 de março de 1968, é um marco na história do movimento estudantil brasileiro. Suas principais conquistas foram na Ditadura Militar em 64 no governo de Goulart, Direta Já e Fora Collor.
Um movimento secundarista formou-se este ano, e mais de 300 escolas do Paraná foram ocupadas como forma de protesto contra a PEC 241 que promove o congelamento dos gastos do Governo por 20 anos. Esta proposta afeta principalmente a área da educação, pois diminuirá investimentos nas escolas. Esse movimento incluiu também contra a reforma no ensino médio que promove o aumento da carga horaria escolar e a retirada de algumas disciplinas. Portanto a importância desse movimento é fundamental para que não haja, independente da época, um retrocesso contra os estudantes.

Maria Eduarda Costa

Mensagens : 2
Data de inscrição : 28/11/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos Sociais

Mensagem por julia souza em Sex Dez 02, 2016 1:24 am

Movimento Feminista
O caminhos entre os direitos das mulheres e as lutas para a igualdade das minorias em geral estiveram sempre entrelaçados, sendo que, desde a época do Brasil Colônia, a mulher era vista como propriedade de seus pais, marido ou quaisquer que fossem os chefes da família.
Durante o império a mulher passou a ser reconhecida e ter direito a educação. Sendo essas conquistas estabelecidas através da luta da consagrada Nísia Floresta, fundadora a primeira escola para meninas no Brasil e a grande ativista ela emancipação feminina.
As grandes mudanças ocorreram a partir da greve das costureiras realizada em 1907. Entre as exigências das paralisações, estavam a regularização do tralho feminino, a jornada de trabalho oito horas e a abolição de trabalho noturno para mulheres. Alguns anos depois em 1932, no governo de Getúlio Vargas, é garantido o sufrágio feminino, o direito ao voto e a candidatura das mulheres; conquista que só seria plena na Constituição de 1946.
O movimento feminista traz em sua trajetória grandes conquistas que muitas vezes passam despercebidas ao nossos olhos. Porem, a caminhada ainda é grande quando se pensa em respeito aos direitos da mulher e igualdade entre os gêneros.
Grande parte do movimento luta também pela descriminalização do aborto; violência contra mulheres; a diferença salarial entre gênero; casos de assedio e preconceitos contra mulheres, entre outros.
Pensando em todo histórico do movimento feminista, mesmo quando assim não o era reconhecido, seus atos sempre polemizaram a sociedade tradicional. Algumas das grandes conquistas foram a Lei Maria da Penha em 2006 e o direito a licença maternidade remunerada de 180 dias.
Atualmente, uma das grandes rixas entre o movimento e os políticos da Bancada evangélica, esta relacionada a questão da descriminalização do aborto, que há algum tempo passou a ser uma das mais discutidas bandeiras do feminismo no Brasil.
O movimento ainda luta pela maior inserção feminina na politica e por politicas destinadas à mulheres. Portanto, politicas públicas devem ser elaboradas para atender as carências da população feminina, impor a igualdade de gênero, assegurar a vida da mulher, garantir sua participação em espaços e enfim, acabar com todo tipo de preconceito contra mulheres.

julia souza

Mensagens : 2
Data de inscrição : 02/12/2016

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Movimentos Sociais

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum